Categorias
BLOG

Relógio de Ponto Físico ou Aplicativo de Registro de Ponto

Relógio de Ponto Físico ou Aplicativo de Registro de Ponto

Sabia que as horas extras foram o assunto mais recorrente no Tribunal Superior do Trabalho em 2020? E o caso não é isolado: em 2019, elas ficaram em 2º lugar no ranking, com um total de 54.730 processos no ano. Já deu para entender a importância de ter um controle adequado de funcionários, né?

Segundo o Decreto Lei nº 5.452 do artigo 74 da CLT, é obrigatório registrar os horários de entrada e saída de funcionários em locais de trabalho com, pelo menos, 20 colaboradores. Se sua empresa se encaixa neste perfil, veja como funciona duas das principais formas de controle de ponto de funcionários: o Relógio de Ponto Físico e o Aplicativo de Registro de Ponto!

Relógio de Ponto Físico: como funciona?

L

Os relógios físicos de controle de ponto são aqueles instalados no próprio local de trabalho e podem ser manuais, mecânicos ou eletrônicos.

Os manuais são semelhantes aos cadernos de ponto, que, como vimos no início do artigo, é muito passível de erros e fraudes, além de não serem nada práticos.

relógio de ponto mecânico, por sua vez, exige que os funcionários insiram suas informações sempre que estiverem entrando ou saindo da empresa, o que também pode ser bem trabalhoso e sujeito a falhas humanas — sejam elas propositais ou não.

Já o relógio eletrônico de ponto (REP) é um equipamento que registra a entrada e saída dos funcionários por meio de artifícios como cartão de ponto e biometria. Em geral, a equipe de RH precisa revisar os registros de todos os funcionários ao final do mês, o que também torna a opção suscetível a falhas no momento de exportar os dados.

E o Aplicativo de Registro de Ponto, como é?

Além de manual e eletrônico, o sistema de controle de pontos também pode ser digital — é o caso dos Aplicativos de Registro de Ponto, como o 3Ponto Web.

Este método, além de ser mais prático para o funcionário, também é mais prático para o RH. Afinal, não é preciso esperar o final do mês para fazer a revisão e controle dos colaboradores. Como as informações são todas unificadas num único aplicativo, a equipe pode acompanhar em tempo real os registros de entrada e saída dos funcionários.

Além disso, como não é feito por um equipamento físico, a opção permite um controle mais apurado de funcionários que não trabalham presencialmente naquele local, como nos dias de trabalhos externos ou home-office. Por outro lado, depender dos dispositivos dos próprios funcionários nem sempre é a melhor solução.

O Aplicativo de Registro de Ponto também costuma ser mais econômico: por não englobar custos de equipamentos e suas instalações e manutenções, a opção é geralmente mais vantajosa financeiramente, mesmo que tenha algum custo mensal.

Relógio de Ponto Físico ou Aplicativo de Registro de Ponto: qual a melhor opção?

Como em muitos casos, a melhor opção depende de diversos fatores, como porte da empresa, número de funcionários e orçamento para implementação do sistema.

Mesmo que cada alternativa tenha seus pontos positivos e negativos, os Aplicativos de Registro de Ponto parecem ser mais modernos e vantajosos. O 3Ponto Web, por exemplo, tem escalas ajustáveis e análise de riscos, além de ser flexível para acordar, ter gestão de justificativas, gerar relatórios em PDF e XLS, entre outros recursos que facilitam o dia a dia do RH.

Se você tem um amigo que pode se interessar por este assunto, marque-o aqui nos comentários!

Veja mais

Fim da senha ?

Sabemos que para protegermos as nossas contas virtuais, geralmente utilizamos senhas de acesso, cujo método é um dos mais tradicionais no contexto atual em que

Read More »

Atendimento humano ou de bots?

O atendimento ao cliente é um dos pilares essenciais de qualquer negócio. Um bom atendimento pode criar boas impressões da marca na memória coletiva, auxilia

Read More »

Relógio de Ponto Físico ou Aplicativo de Registro de Ponto

Sabia que as horas extras foram o assunto mais recorrente no Tribunal Superior do Trabalho em 2020? E o caso não é isolado: em 2019, elas ficaram em 2º lugar no ranking, com um total de 54.730 processos no ano. Já deu para entender a importância de ter um controle adequado de funcionários, né?

Read More »
Categorias
BLOG

Vantagens de desenvolver seu próprio software com uma software house

Vantagens de desenvolver seu próprio software com uma software house

Já imaginou conseguir controlar de forma integrada todos os aspectos que você considera importantes para o seu negócio? Contar com esta opção abre as portas para que sua empresa identifique novas oportunidades, pontos fortes e gargalos, propiciando maior crescimento, com riscos reduzidos em médio e longo prazo.

Mas se você já pesquisou por sistemas para gestão de negócios, deve ter notado como muitos produtos dispõem de uma estrutura padronizada, que engessaria a gestão da sua empresa. Saiba que a solução para isso existe, com o desenvolvimento de uma aplicação personalizada para as suas necessidades.

Quer saber mais sobre o tema? Então continue conosco neste artigo e conheça as vantagens de desenvolver seu próprio software com uma software house!

O software se adequa ao seu negócio, não o contrário

Cada negócio opera sobre um modelo diferente, com atividades em um porte e alcance distinto e forças de trabalho munidas de talentos variados. Neste contexto, não existe receita de bolo quando o assunto é desenvolvimento de software empresarial, pois cada empresa tem suas próprias necessidades.

Assim, a aquisição de um sistema pronto significa que a sua organização terá de se adaptar ao modelo e às soluções fornecidas pela plataforma. Já com o apoio de uma software house, o sistema será desenvolvido sob medida para o seu negócio. Dessa forma, a implementação será realizada de forma muito mais simples e rápida, acomodando o modelo operacional que já funciona para a sua empresa.

Controle sobre as funcionalidades e sobre o seu negócio

Uma situação comum em empresas que compram softwares prontos é que muitas funcionalidades ficam sem uso, enquanto outras fazem falta. Isso pode culminar com a necessidade de aquisição e implantação de múltiplos sistemas, consumido recursos e criando empecilhos à integração dos processos. Em última análise, isso se configura como desperdício de dinheiro e tempo, que podem ser preciosos para a sua organização.

Desenvolver um software sob encomenda para o seu negócio garante que cada funcionalidade seja projetada para atender à rotina da sua empresa. Assim, o software não será subutilizado e todos os indicativos e sistemas necessários ao para otimizar o seu negócio estarão operando e impulsionando seus resultados.

Menos tempo investido em treinamento

Para que o software agregue valor ao seu negócio, é indispensável que os colaboradores conheçam cada uma de suas funções e entendam como utilizá-las. Ao desenvolver um software especificamente para o seu negócio, você ganha a oportunidade de criar um fluxo de trabalho que faça sentido para a sua organização e que valorize as qualidades do seu time.

Assim, o sistema se torna muito mais intuitivo e amigável aos usuários, reduzindo o tempo e os custos de aprendizagem sobre a plataforma.

Maior custo-benefício

Ao comparar os custos de desenvolvimento de um software com os de aquisição de um sistema pronto, muitos gestores acreditam que é mais vantajoso optar pela solução pronta. No entanto, como você pôde ver ao longo deste artigo, há diversos processos e detalhes na seleção e utilização de um software que fazem com que a opção pelo desenvolvimento personalizado torne-se muito mais atraente.

Desta forma, ao se contabilizar todos os recursos investidos em pesquisa, seleção, treinamento e uso de um software pronto versus a criação de um sistema próprio, bem como o potencial de otimização que cada um deles pode oferecer à sua empresa, fica claro que desenvolver seu próprio software é uma opção de custo-benefício muito maior em médio e longo prazo.

Este conteúdo foi interessante para você? Então marque um amigo nos comentários para que ele também possa conhecer as vantagens do software próprio!

 

Veja mais

Fim da senha ?

Sabemos que para protegermos as nossas contas virtuais, geralmente utilizamos senhas de acesso, cujo método é um dos mais tradicionais no contexto atual em que

Read More »

Atendimento humano ou de bots?

O atendimento ao cliente é um dos pilares essenciais de qualquer negócio. Um bom atendimento pode criar boas impressões da marca na memória coletiva, auxilia

Read More »

Relógio de Ponto Físico ou Aplicativo de Registro de Ponto

Sabia que as horas extras foram o assunto mais recorrente no Tribunal Superior do Trabalho em 2020? E o caso não é isolado: em 2019, elas ficaram em 2º lugar no ranking, com um total de 54.730 processos no ano. Já deu para entender a importância de ter um controle adequado de funcionários, né?

Read More »